Olá, Visitante Entre Cadastre-se EAD

Portal do Agronegócio

Superávit global de açúcar pressiona e derruba preços do açúcar nas bolsas internacionais

Em Nova York, os papéis para outubro/18 foram firmados em 11.40 centavos de dólar por libra-peso, queda de 11 pontos e os contratos para março/19 encerraram o dia a 12.12 cts/lb, baixa de 7 pontos. Os demais contratos em Nova York desvalorizaram entre 4 e 9 pontos.

Ontem, a consultoria Datagro estimou o superávit mundial de açúcar de 10,15 milhões de toneladas em 2017/18 e de 5,65 milhões de toneladas em 2018/19 (out/set), com base em mais um recorde de oferta na Índia e no contínuo excedente na Europa e na Tailândia. Ainda segundo a Datagro, "o estoque mundial de açúcar deverá responder por 50% do consumo em 30 de setembro de 2019, a maior proporção da história recente".

Em Londres, os contratos futuros para agosto recuaram 1,60 dólar e fecharam em US$ 339,30 a tonelada. Já os papéis para outubro/18 foram firmados em US$ 330,90 a tonelada queda de 40 cents de dólar.

Mercado interno

A saca de 50 kg do açúcar cristal foi negociada na terça-feira a R$ 56,68, queda de 0,70%, perante a cotação anterior, de acordo com o indicador Cepea/Esalq, da USP.

Etanol

O etanol hidratado, pelo indicador Esalq/BMF&FBovespa, posto Paulínia, fechou ontem em R$ 1.542,00 o metro cúbico, valorização de 0,26%.

Imprensa:
Enviar matéria
Data de Publicação: 11/07/2018 às 10:15hs
Fonte: Agência UDOP de Notícias
◄ Leia outras notícias
Portal do Agronegócio © Copyright 2013 Portal do Agronegócio. Desenvolvido por: