Olá, Visitante Entre Cadastre-se EAD

Portal do Agronegócio

Serviço de agrometeorologia de precisão, Agroclima PRO é destaque Climatempo no Show Rural Coopavel 2018

A Climatempo, maior empresa privada de meteorologia do país, leva ao Show Rural Coopavel seu serviço exclusivo de agrometeorologia de precisão, o Agroclima PRO. A ferramenta traz ao campo inovação e tecnologia para uma maior produtividade e melhores resultados nas safras. Durante o evento, que acontece de 5 a 9 de fevereiro em Cascavel (PR), os visitantes vão ter a chance de entender como o uso do clima e do tempo na agricultura podem fazer toda a diferença no planejamento e no desenvolvimento dos negócios.

O termo agrometeorologia de precisão une a já tradicional agricultura de precisão – que analisa a variabilidade da produção a partir de fatores como fertilidade do solo e recursos hídricos – com a parte meteorológica. “O Agroclima PRO ajuda o produtor a enxergar como a variabilidade de tempo e clima em curto e longo prazos podem interferir em sua produtividade e rentabilidade”, explica Patrícia Madeira, diretora de Produtos e meteorologista da Climatempo.

O Agroclima PRO funciona de maneira georreferenciada e consegue trazer informações específicas sobre cada ponto da fazenda. Ou seja, a ferramenta é capaz de ler os diversos microclimas – variações climáticas em uma determinada área – de uma região. “A temperatura, o nível de água no solo, a incidência das pragas, tudo pode variar de um local para o outro. A tecnologia da Climatempo consegue captar essas diferenças e oferecer ao produtor uma opção de planejamento segmentado muito mais efetiva”, afirma Patrícia.

Estações meteorológicas

A solução também é pioneira ao permitir a integração dos dados captados das estações meteorológicas das fazendas. A conexão funciona de forma similar aos aplicativos de transporte. Os usuários compartilham informações que já possuem para tornar a qualidade do serviço ainda melhor. O objetivo é criar uma grande rede de previsão para a agricultura e melhorar a qualidade dos dados enviados para os fazendeiros.

As estações são capazes de registrar a temperatura e a umidade do ar, velocidade e direção do vento, radiação solar, chuva, pressão atmosférica, entre outras variáveis. Também ajudam a mensurar diversos fatores que influenciam no gerenciamento das atividades na fazenda como a precipitação acumulada na safra e a temperatura média em um determinado período.

Atualmente, a estação meteorológica mais importante do país é coordenada pelo Instituto Nacional de Meteorologia (INMET). Outra rede importante é a do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). A Climatempo possui acesso às informações desses sistemas e também conta com um amplo portfólio de redes conectado as suas plataformas de previsão.

Agricultores que não tenham uma estação em sua propriedade podem contratar o Agroclima PRO com a opção de aquisição do aparelho. A empresa fez uma parceria com algumas companhias especializadas no desenvolvimento do equipamento para oferecer maior comodidade aos usuários.

“A tecnologia e a inteligência de dados do Agroclima Pro podem contribuir para um maior desenvolvimento no campo, já que, com o nosso serviço, o agricultor pode tomar decisões mais rápidas e assertivas”, diz a diretora de Produtos da Climatempo.

Imprensa:
Enviar matéria
Data de Publicação: 06/02/2018 às 08:00hs
Fonte: Linhas Comunicação
◄ Leia outras notícias
Portal do Agronegócio © Copyright 2013 Portal do Agronegócio. Desenvolvido por: