Olá, Visitante Entre Cadastre-se EAD

Portal do Agronegócio

Retorno do sol reforça confiança dos produtores e safra de algodão passará de 1 milhão de toneladas

De acordo com a Associação Mato-grossense do Algodão (AMPA), equipes de colheita e algodoeiras estão preparadas para lidar com algodão com umidade.

Além disso, felizmente, o sol voltou com força ao longo dos últimos dias e a situação está normalizada em todas os pólos de cultivo. Foi informado ainda que no início da safra o algodão apresentou qualidade excepcional e que por esse motivo, até o final do período será possível manter as expectativas do setor.

Recentemente o presidente Ampa, Alexandre Schenkel, reforçou estar otimista em relação aos resultados da safra 2016/17, que foi semeada na janela ideal de plantio e contou com condições climáticas mais favoráveis que na safra anterior.Ele alertou, no entanto, que a colheita ainda não atingiu a metade da área plantada.

O avanço neste momento é estimado em 40 a 45% do total da área cultivada, e, por isso, o foco de produtores e das equipes técnicas se mantém voltado para os trabalhos em campo. O objetivo é assegurar a qualidade da pluma produzida e a destruição dos restos culturais – medida fundamental para garantir menor pressão de pragas como o bicudo-do-algodoeiro na próxima safra.

Assim o Estado, que mantém a liderança na produção da pluma no país, apresentou aumento de 4,5% na área de cultivo e já tem produtividade estimada em mais de 1 milhão de toneladas (1.013 mil t) - 15% maior que a da safra 2015/16, que fechou em 880,5 t. Os dados são da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

No Brasil o crescimento é de 18,2%, podendo alcançar 1,5 milhão de toneladas, mesmo com a estimativa de queda de 1,7% na área cultivada, reduzida de 955,2 ha para 939,1 ha na safra corrente.

Imprensa:
Enviar matéria
Data de Publicação: 31/08/2017 às 11:20hs
Fonte: Agro Olhar
◄ Leia outras notícias
Portal do Agronegócio © Copyright 2013 Portal do Agronegócio. Desenvolvido por: