Olá, Visitante Entre Cadastre-se EAD

Portal do Agronegócio

Programa de Turismo Rural termina com encontro em Abre Campo

Abre Campo vai sediar o Encontro de Turismo Rural no dia 26 de abril com a apresentação dos resultados do grupo qualificado pelo Senar Minas para promover a atividade na região de Ponte Nova. Na programação estão previstos o lançamento de roteiros, a apresentação da proposta do Centro de Atendimento ao Turista (CAT), sala interativa e degustação da culinária regional. O treinamento conta com a parceria do Sindicato de Produtores Rurais de Ponte Nova e o Circuito Turístico Montanhas e Fé.

Os roteiros exaltam a história, a culinária e os atrativos religiosos e de aventura da região. O “Doce Viver” mostra a goiabada (foto ao lado); “Vida e Milagres – Padre Antônio Ribeiro Pinto, o padre do povo” é voltado para fiéis e religiosos em Urucânia; Santo Antônio do Grama fica com a prática de escalada e rapel, e o “Caminhos do Casca” conta a história do rio que corta a cidade de Rio Casca.

Participam do programa representantes do setor público, estabelecimentos comerciais e associações. O treinamento abordou temas como segurança, condução de turistas, alimentação, hospedagem e planejamento de eventos, além de catalogar as potencialidades turísticas da região. O objetivo é preparar profissionais com visão de negócio para fomentar o turismo rural, colaborando para o desenvolvimento econômico, social e ambiental.

Resultados

Os roteiros são importantes resultados do grupo qualificado pelo Senar Minas. O “Doce Viver”, foi elaborado pelas alunas Gabriela Ribeiro e Tânia Mara Sasse, em parceria com a instrutora Fernanda Corrêa da Silva. Testado no início deste ano, o roteiro compreende ida à antiga fazenda Ana Florença, que tinha a produção de goiaba e açúcar mascavo; à unidade de produção da Christy, que usa uma tecnologia mais nova, e a outra mais caseira, a Sinhá Mineira.

Em Urucânia, foi idealizado o “Vida e Milagres – Padre Antônio Ribeiro Pinto, o padre do povo”, voltado para religiosos. O roteiro compreende visitas ao santuário, ao mirante de Nossa Senhora das Graças, ao museu que guarda doações e oferendas, à casa onde o padre morou, à matriz e à praça onde ele acolhia os fiéis que chegavam de toda a parte em busca de graças. O visitante também conhece uma fazenda histórica para se deliciar o café mineiro, um alambique de produção de cachaça e as ruínas de uma antiga usina de açúcar.

Em Santo Antônio do Grama, o turismo fica por conta da aventura, com a prática de escalada e rapel. É oferecido lanche com frutas, almoço em um restaurante e visita a uma fábrica de doces. O pacote inclui o transporte e alimentação no local da escalada.

Já o roteiro “Caminhos do Casca”, entre Abre Campo e Rio Casca, possibilita conhecer a história do rio que corta a cidade de Rio Casca, mostrando o crescimento do município e os fatos ocorridos em dezembro de 2017, quando houve a maior enchente da história na região. O roteiro inclui hospedagem, passeio em hotel-fazenda, loja de artesanato, museu, mirante e pesque-pague e restaurante, entre outras atrações que levam o turista ao contato com a natureza, cultura, costumes e culinária mineira.

Turismo Rural

Segundo a instrutora Fernanda Corrêa da Silva, o turismo rural é uma modalidade nova no Brasil e mais recente ainda em Minas Gerais. “Existe uma carência de profissionais capacitados, principalmente em regiões onde o turismo não é uma das principais atividades econômicas. Além disso, as comunidades têm dificuldade em perceber que o turismo é um negócio e precisa ser encarado como tal”, explicou.

Após o programa, os agentes poderão atuar regionalmente e de forma integrada com a comunidade, poder público e iniciativa privada. “Diversos são os benefícios, como o fortalecimento da economia, mas também há a preocupação em manter a cultura local, a fixação do jovem no campo, a preservação dos recursos naturais e culturais, o incremento nas atividades produtivas e melhoria da qualidade de vida das comunidades”, destacou.

Imprensa:
Enviar matéria
Data de Publicação: 23/04/2018 às 13:50hs
Fonte: Assessora de Comunicação - SENAR MG
◄ Leia outras notícias
Portal do Agronegócio © Copyright 2013 Portal do Agronegócio. Desenvolvido por: