Olá, Visitante Entre Cadastre-se EAD

Portal do Agronegócio

Exportações do agronegócio mineiro alcançam US$ 588,4 milhões em janeiro

A receita das exportações mineiras do agronegócio, em janeiro, somou US$ 588,4 milhões. Esse valor é 29,2% superior ao registrado no mesmo período do ano passado. A participação do agronegócio na pauta das exportações mineiras representou 27,7% do total das exportações estaduais, que somaram US$ 2,1 bilhões. As informações foram analisadas pela Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) com base em dados do Ministério de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC).

Na avaliação do secretário de Agricultura, Pedro Leitão, esses valores indicam crescimento do preço médio dos principais produtos do agronegócio. “Estamos num momento favorável para as exportações, não só em relação ao setor, mas também em relação à valorização do preço do minério de ferro no mercado mundial”, afirma. Em relação às receitas obtidas, os produtos que registraram maior crescimento em janeiro foram açúcar, totalizando US$ 50,4 milhões (+61,9%); carnes, que alcançaram US$ 76,9 milhões (+34,1%) e o café que totalizou US$ 334,7 milhões (+28,4%).

Valorização dos preços

Principal produto do agronegócio do estado, o café apresenta tendência de aquecimento nos preços neste ano. Segundo a analista da Superintendência de Política e Economia Agrícola da Seapa, Manoela Teixeira de Oliveira, a safra 2017 terá volume inferior devido à bienalidade negativa (característica da cultura que alterna safras altas e baixas). “Outro fator que tem influenciado positivamente os preços são os estoques mundiais, que se encontram em nível inferior aos registrados nos últimos quatro anos. Países que também são importantes produtores, como o Vietnã e a Indonésia, têm previsão de redução da oferta, enquanto há uma estimativa de crescimento do consumo mundial”, explica a analista da Seapa.

O ano também se inicia favorável para o segmento das carnes. No ano passado, este grupo ocupou o quarto lugar na pauta das exportações do agronegócio e, em janeiro deste ano, já se apresenta como o segundo mais importante da pauta (atrás do café), com faturamento de US$ 77 milhões. “A expectativa é de que o ano seja favorável para o setor devido à abertura dos Estados Unidos para a carne in natura brasileira, que acabou atraindo a atenção de grandes países importadores (como, por exemplo, Canadá, México, Coréia do Sul e Indonésia) para a nossa produção”, explica Manoela Teixeira.

Os principais países importadores do agronegócio do estado, no período, foram Alemanha, totalizando US$ 82,7 milhões e 14,1% do volume exportado; EUA, que registraram US$ 63,8 milhões (10,8%); China com US$ 48,3 milhões (8,2%) e Itália alcançando US$ 42,4 milhões (7,2%). Estes cinco países representam 40,3% do total exportado.

Exportações do Agronegócio - Janeiro 2017

  • Café – US$ 334,7 milhões (56,9% do agronegócio mineiro)
  • Carnes – US$ 77 milhões (13,1%)
  • Complexo Sucroalcooleiro – US$ 50,5 milhões (8,6%)
  • Complexo Soja – US$ 33,5 milhões (5,7%)
  • Produtos Florestais – US$ 56 milhões (9,5%)
Imprensa:
Enviar matéria
Data de Publicação: 10/02/2017 às 19:50hs
Fonte: SEAPA MG - Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais – Assessoria de Comunicação Social
◄ Leia outras notícias
Portal do Agronegócio © Copyright 2013 Portal do Agronegócio. Desenvolvido por: