Olá, Visitante Entre Cadastre-se EAD

Portal do Agronegócio

Empresa premia produtores do eixo RS-SC por alta produtividade obtida em lavouras de soja

A empresa DuPont Proteção de Cultivos realizou no último dia 7, no município uruguaio de Rivera, cidade vizinha à gaúcha Santana do Livramento, o evento de premiação do programa DuPont Colheita Farta Sul. A iniciativa da companhia reconhece sojicultores do eixo Rio Grande do Sul - Santa Catarina que obtêm os melhores índices de produtividade com base no método de tratamento de pragas e doenças DuPont Programa Soja, aplicado da etapa de pré-plantio até a colheita da oleaginosa.

Os três primeiros colocados da região Sul foram os sojicultores Vinícius Arnold Kraemer e Airton Luís Panazollo, ambos da cidade de Carazinho (RS), e Amauri Alfredo da Cunha, do município de Estrela Velha (RS).

Vinícius Arnold Kraemer foi selecionado para participar da etapa nacional do concurso de produtividade, que acontecerá no mês de agosto próximo, reunindo os produtores premiados em outras regiões da fronteira agrícola da soja brasileira, como Bahia, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Minas Gerais.

Segundo a DuPont, cerca de 330 produtores estão inscritos para participar da edição deste ano do programa DuPont Colheita Farta. O regulamento do concurso considera os indicadores de produtividade apurados nas propriedades dos agricultores inscritos durante a safra 2016/17, encerrada recentemente.

DuPont Colheita Farta é um projeto exclusivo da DuPont Brasil Proteção de Cultivos. A iniciativa tem como objetivo central disseminar práticas de manejo de resistência a defensivos agrícolas envolvendo um conjunto de tecnologias da empresa: o fungicida Aproach® Prima, o inseticida para tratamento de sementes Dermacor®, os inseticidas Avatar®, Benevia®, Lannate® e Premio® e o herbicida Classic®.

“Os insumos que compõem o DuPont Programa Soja são de alta tecnologia e ajudam produtores a atingir elevados índices de produtividade em todo o País. O inseticida Lannate® é aplicado na etapa de pré-plantio. O tratamento de sementes Dermacor®, recomendado à fase do plantio, enquanto o herbicida Classic® é usado na dessecação da cultura. Já na fase de desenvolvimento de lavouras o programa abrange os inseticidas Avatar®, Benevia®, Lannate® e Premio®, além do fungicida Aproach® Prima”, resume o diretor de marketing da DuPont Brasil, Raphael Godinho.

Imprensa:
Enviar matéria
Data de Publicação: 17/07/2017 às 09:00hs
Fonte: Assessoria de Imprensa DuPont Brasil Proteção de Cultivos
◄ Leia outras notícias
Portal do Agronegócio © Copyright 2013 Portal do Agronegócio. Desenvolvido por: