Olá, Visitante Entre Cadastre-se EAD

Portal do Agronegócio

Dólar tem leve queda, mas segue no patamar de R$ 3,67

Na véspera, o dólar subiu 0,47%, vendido a R$ 3,679, maior cotação desde abril de 2016.

O dólar opera em queda nesta quinta-feira (17), depois fechar na véspera no maior patar desde abril de 2016 e de o Banco Central manter a taxa básica de juros em 6,5%.

Às 9h54, a moeda dos Estados Unidos caía 0,22%, cotada a R$ 3,6710 na venda.

Na véspera, o dólar subiu 0,47%, vendido a R$ 3,679, no quarto dia consecutivo de valorização. Na máxima do dia, a moeda chegou a R$ 3,6955.

O Comitê de Política Monetária do Baco Central decidiu, também na véspera, interromper o ciclo de cortes na taxa básica de juros da economia, a Selic, mantendo-a em 6,5% ao ano. A decisão foi tomada por conta da escalada recente do dólar.

A valorização da moeda americana pode encarecer produtos e serviços importados consumidos no Brasil e pressionar a inflação. O Banco Central eleva ou reduz a Selic justamente para controlar a alta dos preços.

O Banco Central realiza nesta quinta-feira leilão de até 4.225 contratos de swap cambial tradicional, equivalente à venda futura de dólares, para rolagem do vencimento de junho.

Também ofertará até 5 mil novos swaps.

Imprensa:
Enviar matéria
Data de Publicação: 17/05/2018 às 10:40hs
Fonte: G1
◄ Leia outras notícias
Portal do Agronegócio © Copyright 2013 Portal do Agronegócio. Desenvolvido por: