Olá, Visitante Entre Cadastre-se EAD

Portal do Agronegócio

Colheitadeiras têm menor venda no primeiro bimestre em 11 anos

Os dados divulgados nesta terça-feira (6) pela Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores) indicam vendas em queda.

As indústrias colocaram apenas 4.003 unidades de máquinas agrícolas e rodoviárias nas revendedoras no primeiro bimestre. É o menor número em 13 anos para o período.

A queda ocorre basicamente nas vendas de máquinas agrícolas, uma vez que as para construção registram elevações de até 150% em relação às de 2017.

Apesar da safra de grãos de 240 milhões de toneladas no ano passado e de uma previsão de volume superior a 230 milhões neste ano, as vendas de colheitadeiras recuaram para 599 unidades de janeiro a fevereiro, o menor número desde igual período de 2007.

As vendas de tratores no atacado, apesar da maior movimentação agrícola no campo nas duas últimas safras, recuaram para 3.033 unidades no primeiro bimestre.

Após a grande renovação da frota feita pelos produtores —de 2008 a 2015, quando a compra média de tratores no primeiro bimestre foi de 6.745 unidades por período—, as vendas têm ficado em patamares menores desde 2016.

As indústrias acompanharam a tendências de compra dos produtores e reduziram a produção de tratores em 34%, a de colheitadeiras em 29% e a de colhedoras de cana em 18% no primeiro bimestre, em relação a igual período de 2017.

As indústrias esperam que esse novo patamar elevado de produção de grãos do Brasil e uma necessidade de renovação da frota de máquinas reanimem as vendas.

Imprensa:
Enviar matéria
Data de Publicação: 08/03/2018 às 19:40hs
Fonte: Folha de S. Paulo
◄ Leia outras notícias
Portal do Agronegócio © Copyright 2013 Portal do Agronegócio. Desenvolvido por: