Olá, Visitante Entre Cadastre-se EAD

Portal do Agronegócio

Alface poderá produzir o ano todo

Um estudo realizado pela Universidade da Califórnia apresentou possibilidades para que a alface seja produzida também em épocas de calor. A pesquisa, que também incluiu cientistas da Arcadia Biosciences e da Acharya NG Ranga Agricultural University, identificou um gene presente no vegetal e em enzimas relacionadas que é capaz de freiar a germinação da verdura quando exposta a altas temperaturas.

O principal objetivo do estudo foi melhor entender os mecanismos relacionados à temperatura que promovem a germinação das sementes. Durante o estudo os cientistas identificaram que uma região do cromossomo seis de uma variedade selvagem tem um grau de parentesco com a alface comercial, o que permite que esta germine em climas quentes quando há o cruzamento entre as duas espécies.

Outro ponto da pesquisa se concentrou em um gene específico que controla a produção de um hormônio vegetal chamado ácido abscísico, que é conhecido por inibir o desenvolvimento das sementes. Os pesquisadores acreditam que silenciando esse gene a alface poderia germinar e crescer até mesmo em altas temperaturas.

A origem da alface está ligada ao mediterrâneo, por isso a maioria de suas variedades costumam florescer na primavera ou no verão para só então acabar soltando suas sementes. Kent Bradford, professor e diretor do Centro de Biotecnologia da Universidade da Califórnia e principal autor do estudo, comemora os resultados obtidos até então e chama a atenção sobre os benefícios da descoberta para a produção de alimentos em escala mundial.

"A descoberta dos genes permitirá que os criadores de plantas desenvolvam variedades de alface que possam germinar e crescer até a maturidade sob altas temperaturas. Suspeitamos [a partir do que foi descoberto] que outras culturas também possam ser modificadas para melhorar sua germinação. Isso pode ser cada vez mais importante à medida que as temperaturas globais aumentam", conclui.

Imprensa:
Enviar matéria
Data de Publicação: 12/06/2018 às 10:00hs
Fonte: Agrolink
◄ Leia outras notícias
Portal do Agronegócio © Copyright 2013 Portal do Agronegócio. Desenvolvido por: